Mundoteo

Notícias da saúde e dicas de beleza

Distúrbios da Tireóide

2 Comentários

A tireóide é uma glândula em forma de borboleta que fica no pescoço, sua função é controlar o metabolismo. Se  ela é hipoativa os sintomas são  prisão de ventre, ganho de peso, fadiga e sensibilidade ao frio é o hipotireoidismo. Mas se ela é hiperativa os sintomas são sudorese acentuada, taquicardia, e mal humor (nervosismo) que se denomina hipertireoidismo.

hipertireoidismo

O que pode levar aos distúrbios da tireóide?

Stress: Alguns especialistas afirmam que ao lidar melhor com o stress ajuda o organismo a manter o sistema imunológico protegido. A tireoidite de Hashimoto, uma doença auto-imune, poderá ser evitada ou pelo menos retardada, se o nível de stress estiver sendo trabalhado de forma saudável.

Toxinas ambientais: Produtos químicos lançados no ar podem estar causando transtornos no sistema endócrino fazendo com que os hormônios fiquem fora de sintonia.

Deficiências nutricionais e/ou desequilíbrios:  pouco ou demasiado uso de iodo, deficiência de selênio (frutos do mar, castanha-do-Pará, aves e carnes vermelha, arroz integral e aveia), o flúor na água, e demasiado uso de soja podem ser os culpados.

Quais os tratamentos para o hipotireoidismo?

Hormônios sintéticos: A maioria dos pacientes com hipotireoidismo começa o tratamento com um hormônio sintético conhecido levotiroxina, que deverá ser tomado para o resto de sua vida. Esse tratamento não funciona com cerca de 20% dos pacientes.

Terapia de combinação: A tireóide produz dois  hormônios o T4 e o T3 que é a conversão do T4. A levotiroxina só substitui o T4 sendo necessário em alguns pacientes que não tem o T3 , uma pequena dose do hormônio T3.

Hormônios retirados de animais: Este medicamento é fabricado a mais de cem anos nos EUA e é feito do tecido da tireóide do porco. Fornece os hormônios T4, T3 e também os T1 e T2 e outras substâncias.

Quatro passos para você se manter livre dos sintomas do hipotireoidismo

 – O que você come pode manter os níveis de iodo, selênio e magnésio para manter sua tireóide sadia. Frutos do mar, sushi ou vegetais marinhos como algas, contem iodo. Você  pode fazer uso dos multivitamínicos que farão a reposição desses elementos. Tome cuidado apenas com o excesso de iodo que poderá levá-lo a problemas na tireóide.

– Cozinhe brócolis e couve que contém nutrientes saudáveis para o organismo. Não consuma cru pois eles contem elementos ruins.

– O flúor diminui a produção do hormônio da tireóide e interfere na ação do hormônio no sangue. Evite engolir pasta de dente, enxaguando bem a boca após a escovação e evite água com muito flúor.

– Diga não ao estresse. Procure dormir mais e faça exercícios físicos regularmente. O exercício estimula a circulação e aumenta o relaxamento. Bons sonhos.

Fonte: revista Saúde

Autor: catgab

Sou carioca, atualmente moro em Santos e trabalho na área de saúde, sou casada tenho dois filhos. Sou colaboradora de um blog de moda, pela qual também tenho interesse, como toda mulher.

2 pensamentos sobre “Distúrbios da Tireóide

  1. Estresse mal do mundo!! Tenho muito medo de distúrbios da tireóide, causa tantas coisas…
    Adorei o post um super alerta.
    Beijo.
    http://beleza-facil.blogspot.com.br

  2. Pingback: Benefícios da Cenoura | Mundoteo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s